sábado, 20 de março de 2010

Adaptações

Essa semana q se passou foi de muitas adaptações. Até agora está tudo indo melhor do q imaginávamos.
Obrigada a amiga q me disse uma coisa q me fez acordar: Ninguém é insubstituível! Era o q eu precisava ouvir.
Qto a creche... ainda não tenho coragem de deixá-los assim tão longe de mim. Também tem o fato de não conseguir levar sozinha 3 crianças pra escolinha e ainda o Pablo a tira colo. Logística impossível de ser cumprida!
Mas estou pensando muito no assunto para o ano q vem. Eles já estarão andando mais firminhos e falando. Agora falta resolver o dilema: qual creche? Hahahaha, ser mãe é algo muito complicado mesmo. Pena q não podemos colocá-los de volta na barriga.
Bjos gdes!

3 comentários:

Kátia disse...

Robertha, obrigada pelas suas orações.
Heloísa talvez fará a cirurgia na segunda-feira.
Estamos aguardando resultados de exames.
Parabéns pela sua família, seus bebês são fofíssimos.
Abraços,
kátia

Dani e afilhadas disse...

Beri, conseguiu alguém para te ajudar na tarefa dos cuidados diários do quarteto? As crianças estão fofas demais.
Venho sempre aqui, mas tem sido difícil comentar heheh. Hoje espero conseguir colocar um post no meu blog sobre os 6 anos da Júlia.

Beijos

Dani e afilhadas

www.afilhadosamados.blogger.com.br

neide disse...

Sensação melhor do q qnd os filhos estão na barriga é qnd vemos eles se desenvolvendo crescendo ficando +independentes digo isso pq os meus três tem idade de 5(gemeos) e 8 anos,e ja passei e venci essa fase de precisar d+da boa vontade ,ajuda,seriedade consideração dos outros ,de ter q perceber q as pessoas ñ são insubstituiveis sei q c quadrigemeos deve ser bem + complicado, hj é bem diferente ,mas mesmo assim curta mt essa fase bebe pq ainda da saudade bjos de Neide ,José william ,João guilherme e Caio guilherme

Quem está online

Barrigas!!!